Trump proíbe Estados Unidos de comprar criptomoeda da Venezuela

O presidente dos Estados Unidos Donald Trump proibiu, na última segunda-feira, que cidadãos dos EUA comprem a criptomoeda venezuelana Petro. A medida, sem nenhum precedente na história mundial, foi uma ofensiva ao presidente venezuelano Nicolás Maduro.

Segundo uma publicação do tabloide Bussiness Insider, a moeda virtual Petro tem seu valor vinculado ao ouro, diamantes e petróleo. Ela é controlada pelo governo venezuelano, que a trata como uma forma de atravessar algumas sanções impostas ao país sul-americano. A Venezuela vem enfrentando uma forte crise política e econômica.

Alguns países que também enfrentam sanções econômicas vindas dos EUA, como o Irã, já demonstraram interesse em controlar à venda suas próprias criptomoedas, como fez a Venezuela.

Nenhum dos dois países podem comercializar seus produtos nos mercados internacionais, tanto que os EUA acaba de proibir qualquer cidadão do país de comprar a moeda virtual dos venezuelanos.

De acordo com um estudo organizado pelo Brookings Institution, no primeiro dia de vendas do Petro, a Venezuela obteve cerca de US$ 735 milhões de dólares, o que equivale a pouco mais de R$ 2,4 bilhões de reais.

TAMBÉM QUEREM

Irã e Turquia também são nações que compartilham o mesmo interesse em criar uma moeda virtual própria. A Turquia até já escolheu um nome para a sua moeda – |Turkcoin.

Leia também – Irã e Turquia planejam criar a sua própria criptomoeda

Apesar de serem historicamente rivais e não compartilharem das mesma ideias, as informações apontam que os dois países estão ‘por detalhes’ e já tem até autoridades se manifestando em redes sociais, como o ministro de Tecnologia de Informação e Comunicação iraniano, Mohammad Javad Azari Jahromi.

“Em uma reunião com Conselho do Post Bank sobre criptomoedas e blockchain, solicitei medidas para adquirimos essa nova tecnologia”. Publicou Jahromi em sua conta oficial no Twitter.  A postagem foi feita poucos dias após o lançamento do Petro pelo presidente venezuelano Nicolás Maduro.

Se gostou, conheça e curta a nossa página oficial do facebook:
https://www.facebook.com/moedasvirtuaisbrasil/